sexta-feira, novembro 17, 2006

Aparência NÃO É tudo...

Alguém duvida dessa máxima? As aparências enganam...
Hoje na volta do trabalho, peguei um ônibus no Tatuapé e junto subiram nove adolescentes barulhentos, dentre os quais cinco moças bem arrumadinhas, roupas de grife, um ar de patricinhas rebeldes sem-causa, e estas falavam tão alto que certamente estariam alcoolizadas (quiçá intoxicadas), pois o cheiro de álcool emanava por todo o ambiente. Elas riam sem controle, conversavam coisas absolutamente sem nexo. Tive medo, confesso...
Dois ônibus depois, eu desci no Hipermercado ao lado de casa, e entrei para comprar alguns poucos itens faltantes. Ao passar pelo caixa, um garotinho muito sujinho estava atrás de mim na fila. (Tive medo, confesso...) Mas ele ia passar pelo caixa para pagar um potinho de macarrão instantâneo, desses que basta colocar água quente que ele já fica pronto para consumo. Em suas mãos sujinhas ele tinha algumas poucas moedas, com as quais ele talvez conseguiria pagar o seu sustento daquela noite. Enquanto eu empacotava meus itens, ele já pagava seu pote de macarrão. Eu termino meus pacotes, e ele recebe algumas outras moedinhas de troco. Sem titubear, ele depositou todas as moedinhas num cofrinho exposto no caixa para ajudar entidades carentes. Me emocionei.
As aparências... definitivamente... enganam!

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial